Biblioteca

Filtrar os artigos

Pesquisar na Biblioteca

Selecione uma ou mais opções

Nível de ensino

Selecione uma ou mais opções

Natureza do trabalho

Selecione apenas uma opção

Categoria de Ensino

Selecione uma ou mais opções

Ciências Ambientais

Ciências da Saúde

Ciências Exatas e da Terra

Ciências Humanas

Educação

Letras, Artes e Cultura

Políticas Públicas


Filtros aplicados:

Busca: covid
Limpar filtros
Análise do uso das metodologias ativas em contexto pandêmico numa escola pública do Ensino Fundamental em Guaraí/TO
Formação de Professores e Vivências de Sala de Aula

O processo de ensino-aprendizagem passou por diversas mudanças no decorrer do tempo e, nos últimos anos, o aluno deixou de ser figura secundária e tomou a posição de personagem central. O uso de metodologias ativas permite que o aluno, o professor e a escola sejam desafiados e traz ao educando a oportunidade de pensar, participar e refletir criticamente sobre suas ações e sobre seu aprendizado. Este estudo tem como tema a utilização de metodologias ativas no Ensino Fundamental I, objetivando entender os benefícios que trazem, avaliar como se dá seu uso e identificar os principais desafios enfrentados em sua aplicação.

O YouTube como facilitador do estudo da história e cultura afro-brasileira e indígena
Computação e Tecnologias e História

O presente artigo propõe um debate sobre a iniciativa bem-sucedida do C. E. Jornalista Álvaro Bastos, na mobilização da comunidade escolar em torno da implementação da Lei Federal nº 11.645/08, através da proposta de um plano de ação voltado para a utilização da plataforma de compartilhamento de vídeos YouTube, como recurso pedagógico audiovisual e interacional para o estudo da história e cultura afro-brasileira e indígena. O artigo se dedica a favorecer uma discussão sobre o protagonismo discente e a importância do envolvimento da comunidade escolar para o sucesso das práticas de ensino.

O ensino de Matemática durante a pandemia: proposta de atividade sobre semelhança de triângulos com uso do software GeoGebra Geometria
Matemática e Vivências de Sala de Aula

Este relato descreve uma atividade aplicada com os alunos do 9º ano do Ensino Fundamental da rede pública da cidade de Japaraíba/MG. Este estudo teve como objetivo apresentar uma proposta de atividade sobre semelhança de triângulos com a utilização do GeoGebra Geometria, possibilitando que os alunos criassem conjecturas sobre o tema e fossem sujeitos ativos na construção do próprio conhecimento. A pesquisa teve caráter qualitativo; a atividade se deu por uma construção no aplicativo e por um questionário investigativo.

Sala de aula invertida no ensino remoto emergencial em Educação de Jovens e Adultos
Vivências de Sala de Aula

Este relato de experiência abrange a avaliação da aprendizagem de estudantes do módulo final do curso na modalidade EJA do Colégio Estadual Polivalente de Amaralina, de Salvador/BA. Durante o ano de 2021, observamos o uso de sala de aula invertida em aplicação na disciplina de Química, por meio do ensino remoto emergencial. Foram utilizadas as ferramentas Google para a aplicação do critério de avaliação específico da EJA para alta, média e baixa aprendizagem. Concluímos que o método é viável para ser implementado como agente transformador do ensino tradicional.

Ensinando Biologia em tempos de pandemia: um laboratório caseiro com materiais simples e de baixo custo para a simulação da digestão de proteínas
Biologia e Biociências

O tema Fisiologia Animal – Sistema Digestório detém diversas estruturas, mecanismos e processos que devem ser efetivamente assimilados e compreendidos pelos discentes. Para trabalhar tal tema, propomos a abordagem de uma aula prática com materiais simples e de baixo custo, sem a necessidade da existência de um laboratório físico. Os alunos irão utilizar materiais para simular o processo de digestão das proteínas, utilizando frutas tropicais, amaciante de carne e sachê de enzimas digestivas, correlacionando ao conteúdo aprendido nas aulas teóricas do sistema digestório humano. Assim, acreditamos que a abordagem para os alunos do Ensino Médio possa facilitar a sua aprendizagem, despertando o lado crítico e científico dos alunos.

Projeto Biblioteca de Aulas: relato de experiência em escola pública
Vivências de Sala de Aula

Este artigo fala sobre um projeto independente de voluntariado com graduandos da UFF chamado Biblioteca de Aulas, em comunidade escolar, comparando o começo e final das aulas, com depoimentos de professores e a experiência dos voluntários. O objetivo é incentivar nos alunos o interesse em aprender e empreender. A questão de pesquisa é como abordar os alunos com temas de empreendedorismo ou outros assuntos do mundo do trabalho. O artigo visa descrever a experiência de ser universitário voluntário em uma escola pública em periferia.

Tecnologias educacionais e divulgação científica no ensino de Ciências: desenvolvimento e usabilidade do aplicativo CiênciaGO
Biologia e Biociências, Física e Química

Diante das constantes negações à ciência, atualmente a divulgação científica é cada vez mais necessária e o ambiente educacional é um forte apoio a essa divulgação. Dessa forma, faz-se necessário emancipar o estudante quanto à sua formação científica também no ambiente virtual. Assim, foi desenvolvido um aplicativo de divulgação científica chamado CiênciaGO. Seu uso foi avaliado por professores de Ciências do Ensino Médio de Picos/PI, e os resultados mostram que é necessária uma prática de divulgação científica aliada a uma maior contextualização dos conceitos sobre a qual o professor posiciona-se como mediador entre o estudante e o conhecimento.

A escola que queremos em tempos de crises: reflexões a partir da pandemia
História da Educação, Instituição Escola e Política Educacional

Faz-se um retrospecto crítico sobre a História da Educação no Brasil em interface com as discussões sobre a estrutura de classes da sociedade e como isto configura um tipo de educação e sociedade voltadas para os que detêm poder econômico e prestígio social, em detrimento das minorias e classes menos favorecidas. Objetiva-se um olhar especialmente para a situação de jovens e adultos, e as consequências nefastas de uma educação e sociedade que os marginalizam. Propõe-se, ao final, a importância da discussão e afirmação de políticas públicas educacionais voltadas para essa parcela da população de forma cada vez mais eficaz e comprometida, como o Ensino Médio Integrado e Proeja.

A utilização de jogos como ferramenta auxiliar no ensino da Matemática
Matemática e Vivências de Sala de Aula

A utilização de jogos pedagógicos é um recurso importante para que as aulas de Matemática sejam mais dinâmicas e atrativas. O trabalho tem como objetivo geral apresentar o emprego de jogos como ferramenta auxiliar no ensino da Matemática. O tipo de pesquisa utilizada foi a exploratória, a metodologia utilizada foi a pesquisa bibliográfica, a técnica de coleta de dados foi a documentação indireta; a análise dos dados e informações foi qualitativa. Foram abordados os desafios no ensino da Matemática, a abordagem de jogos como recursos didáticos e alguns exemplos de jogos que podem ser utilizados.

Proposta de ensino de gramática com o uso do método Sala de Aula Invertida mediado pelas TDIC e pela internet
Formação de Professores e Língua Portuguesa e Literatura

Resultante de um projeto de extensão realizado com alunos do 3º ano do Ensino Médio de escola pública em Goiás, este trabalho propõe um ensino de gramática com o uso do método Sala de Aula Invertida mediado pelas TDIC e pela internet. O uso desse método se justifica por promover dinamismo às aulas e conferir aos alunos a autonomia e o protagonismo na construção do seu próprio conhecimento. A mediação pelas TDIC e pela internet se explica por elas serem inerentes a esse método e possibilitar ao professor aplicar a proposta apresentada também em contextos de ensino remoto.