Biblioteca

Filtrar os artigos

Pesquisar na Biblioteca

Selecione uma ou mais opções

Nível de ensino

Selecione uma ou mais opções

Natureza do trabalho

Selecione apenas uma opção

Categoria de Ensino

Selecione uma ou mais opções

Ciências Ambientais

Ciências da Saúde

Ciências Exatas e da Terra

Ciências Humanas

Educação

Letras, Artes e Cultura

Políticas Públicas


Filtros aplicados:

Busca: covid
Limpar filtros
O teatro como ferramenta didática para o ensino de História no Ensino Médio
História e Vivências de Sala de Aula

O artigo explora as potencialidades do teatro como ferramenta didática para o ensino de História. A partir das respostas de estudantes do 1º, 2º e 3º anos do Ensino Médio de colégio particular da Zona Norte do Rio de Janeiro sobre suas experiências prévias como espectadores, atores e/ou produtores dessa forma artística, a inclusão do teatro nos planos de aula sobre o tema trabalho foi considerada uma forma de potencializar aprendizagens significativas pautadas em múltiplas linguagens, de favorecer a formação integral e o desenvolvimento de habilidades e competências propostas pela BNCC.

Professores da EJA em formação ampliam perspectivas a partir da escuta dos alunos
Formação de Professores

Este artigo é fruto da análise de narrativas docentes a partir de um curso de formação continuada realizado em uma escola pública da rede estadual do Rio de Janeiro localizada na cidade de Niterói. Tem por objetivo desvelar, com base nas vozes de alguns professores, como eles veem os alunos da Educação de Jovens e Adultos e quais são os objetivos desses estudantes ao buscar a escola. Os relatos foram analisados à luz da metodologia da tematização proposta por Fontoura e discutidos em diálogo com teóricos como Freire, Arroyo e Nóvoa. Foi possível perceber a importância da escuta atenta e a relevância da troca de experiências.

Reflexões sobre a prática educacional no século XXI em tempos de pandemia
Educação a Distância, Formação de Professores, Instituição Escola, Vivências de Sala de Aula e Outras Mais Específicas

No contexto da pandemia, professores se viram diante da necessidade repentina de mudanças na instituição escolar e reelaborar suas práticas pedagógicas. Emergiu com força um tema já bastante conhecido na área da Educação: o uso de tecnologias integrado ao processo de ensino-aprendizagem, temática que não é nova, visto que já vem sendo bem trabalhada por autores como Manuel Castells, Pierre Lévy, José Manuel Moran e Vani Moreira Kenski, entre outros.

Extraindo o DNA de vegetais: uma proposta de aula prática para facilitar a aprendizagem de Genética no Ensino Médio
Biologia e Biociências

A Genética é uma área fascinante; no entanto, é dotada de termos e processos muitas vezes abstratos que podem desmotivar a aprendizagem dos alunos. Dessa maneira, para superar tais obstáculos, propomos a abordagem de uma aula prática aos alunos do Ensino Médio utilizando materiais simples e de baixo custo sobre a extração de DNA de frutas do cotidiano, como a banana, o mamão, a uva e o tomate, além de outros alimentos, como a cebola e o alho. Experimentação, ensino, biologia, genética, DNA.

Tecnologias na Educação: perspectivas e desafios na formação de professores frente à pandemia do novo coronavírus
Formação de Professores

As transformações no campo da Educação impulsionadas pelas tecnologias da informação e comunicação alteraram a gênese social de modo significativo. Este trabalho discorre sobre as perspectivas e os desafios que os professores enfrentam para trabalhar com as novas tecnologias da informação e comunicação, bem como as dificuldades enfrentadas em decorrência do enfrentamento do vírus SARS-COV-2, mostrando as metodologias e modelos de avaliações que podem ser aplicadas com o uso das TIC com o intuito de promover uma aprendizagem significativa dos alunos.

Drogas como temática para o ensino de Ciências: análise dos conteúdos e abordagens de livros didáticos do Ensino Fundamental
Saúde, Biologia e Biociências, Instituição Escola e Cidadania e Comportamento

O presente trabalho analisa se e como o tema drogas é discutido nos livros didáticos de Ciências, levando em consideração os conceitos e as abordagens utilizados, assim como a quantidade e a qualidade das informações. Os livros didáticos analisados foram obtidos no site do Programa Nacional do Livro Didático (PNLD) e estavam disponíveis para escolha de 2018 a 2021. A análise mostrou que em alguns livros o tema está presente, mas fica evidente a falta de informações. Embora os conteúdos sejam apresentados de forma contextualizada, aproximando o conteúdo do contexto do aluno, observamos uma abordagem fragmentada, sem ligação com outras disciplinas.

Educação Ambiental, interdisciplinaridade e consumo consciente: possíveis encontros
Ecologia e Meio Ambiente

Vivenciamos, na atualidade, um aumento significativo de problemáticas de ordem social e política que impactam o meio ambiente. O mundo atual é dominado pela lógica capitalista, que enaltece o consumo exagerado. Diante de tais problemáticas, este artigo tem como objetivo sensibilizar professores de Educação Básica para o trabalho com a preservação ambiental, sustentabilidade e Educação Ambiental, em uma perspectiva interdisciplinar. Para tal, realizamos buscas em base de dados confiáveis e selecionamos artigos com essas temáticas que, pelas nossas análises, apresentam possibilidades de “encontros” entre Educação Ambiental, interdisciplinaridade e consumo consciente. Assim, além de apresentar aos leitores uma síntese de como a relação consumo e degradação ambiental tem sido abordada por esses autores, intentamos que o presente estudo possa despertar para a urgência de diálogos sobre a preservação ambiental, bem como para as possibilidades de uma educação interdisciplinar nesse sentido.

Relato de experiência: trabalhando as emoções na Educação Infantil
Educação Infantil e Vivências de Sala de Aula

A pandemia causada pela covid-19 golpeou gravemente todo o sistema educacional, apresentando impactos inimagináveis nas interações, inter-relações e afeto. Diante desse cenário, de uma hora para outra os alunos ficaram impossibilitados de ir à escola. A falta do convívio escolar pode ser devastadora no processo de ensino-aprendizagem, trazendo à tona um mix de emoções. A pandemia possibilitou o hibridismo, isto é a integração humana com a tecnologia. Diante dessa situação desafiadora, trabalhamos a emoção e a afetividade com os nossos educandos no sentido de valorizar os sentimentos relatados.

Educação Infantil ou pré-alfabetização? Concepções de professores e responsáveis sobre as práticas de alfabetização na Educação Infantil
Educação Infantil

O presente artigo teve como objetivo investigar como é pensado o processo de alfabetização de crianças da Educação Infantil por parte dos responsáveis e professores. Para tal levantamento, foi aplicado um questionário on-line a responsáveis e professores, tendo 70 participantes, o qual verificou em que momento o processo de alfabetização deve ser iniciado e como deve ser trabalhado. Como resultado, compreende-se que a alfabetização está inserida a todo momento no fazer da Educação Infantil, seja no brincar, no observar, no experimentar e no socializar, concluindo que esse processo deve ser realizado de maneira espontânea e lúdica, mediado pelo fazer pedagógico.

Laboratório de ensino de Matemática como recurso pedagógico: considerações de professores de Matemática
Matemática

Este trabalho teve como objetivo analisar as considerações que professores de Matemática da Educação Básica têm sobre o Laboratório de Ensino de Matemática (LEM) como recurso pedagógico. Tomamos como base para compor o nosso referencial teórico autores que discutem o uso do LEM como possibilidade para as aulas de Matemática, por sua essência lúdica ou pelo trabalho com material concreto. A análise dos dados mostrou que todos os professores reconhecem a importância do uso do LEM para o ensino-aprendizagem da Matemática. No entanto, só alguns tiveram experiência na formação inicial.