Biblioteca

Filtrar os artigos

Pesquisar na Biblioteca

Selecione uma ou mais opções

Nível de ensino

Selecione uma ou mais opções

Natureza do trabalho

Selecione apenas uma opção

Categoria de Ensino

Selecione uma ou mais opções

Ciências Ambientais

Ciências da Saúde

Ciências Exatas e da Terra

Ciências Humanas

Educação

Letras, Artes e Cultura

Políticas Públicas


Filtros aplicados:

Busca: covid
Limpar filtros
Covid-19 e mudanças educacionais no Ensino Fundamental I
Vivências de Sala de Aula

Este trabalho apresenta relato de experiências vivenciadas por professora alfabetizadora no município de Colorado do Oeste/RO, evidenciando angústias, desafios provocados pela suspensão das aulas em decorrência da pandemia da covid-19 em 2020. Apresenta constantes mudanças e expectativas ao longo do ano de 2020 até 17 de março de 2021, período no qual foi realizada a presente pesquisa. O trabalho contou com pesquisa bibliográfica e de campo evidenciando que a educação brasileira foi marcada por mudanças radicais, as pesquisadoras entendem esse período como divisor de água no cenário educacional.

As práticas pedagógicas dos professores da Escola no Campo no contexto da pandemia da covid-19
Vivências de Sala de Aula

As escolas, mediante a pandemia da covid-19, precisaram dar continuidade ao ensino de forma diferenciada, buscando alternativas que envolvessem os alunos no processo formativo. Este trabalho tem como objetivo analisar as práticas pedagógicas dos professores da Escola no Campo no contexto da pandemia. Tomamos como referencial teórico os estudos de Araújo, Valle e Marcom, entre outros estudiosos que discutem a temática pesquisada. A metodologia pautou-se por uma abordagem qualitativa, do tipo exploratória. O lócus da pesquisa foi a Escola Municipal de Ensino Fundamental Manoel Procópio de Araújo, localizada no município de Olho D’Água/PB.

Percepção de alunos e professores da Seeduc/RJ sobre o ensino on-line de caráter emergencial durante a pandemia
Educação a Distância e Política Educacional

Este artigo analisa uma pesquisa realizada com professores e alunos de duas escolas da rede estadual do Rio de Janeiro sobre as experiências com o ensino online realizado emergencialmente em função da pandemia do novo coronavírus. A busca de soluções para melhorar o acesso e reduzir as dificuldades no uso da plataforma mostra que os recursos da internet têm tudo para ser usados no futuro, complementando as aulas presenciais.

Verdade ou mentira? O papel do conhecimento científico em um contexto interdisciplinar
Vivências de Sala de Aula

O presente relato de experiência apresenta trabalho junto a educandos do 8° ano de uma escola pública de Minas Gerais para tratar dos conhecimentos básicos para o reconhecimento de informações divulgadas nos meios midiáticos. A atividade interdisciplinar foi desenvolvida em quatro aulas, envolvendo conteúdos de Língua Portuguesa e Ciências com foco na pandemia da covid-19. Os resultados contribuíram para o desenvolvimento de habilidades de cultura digital e promoveram uma reflexão acerca das causas e consequências na propagação de fake news.

Um estudo sobre a mediação escolar on-line durante a pandemia da covid-19
Psicologia, Educação a Distância e Educação Especial e Inclusiva

O presente artigo se caracteriza como um relato de experiência a partir da prática de diferenciação escolar do departamento de Students Support Services em uma escola particular da cidade do Rio de Janeiro. O ensino remoto emergencial foi criado devido à pandemia da covid-19. Tendo em vista a iminência do contágio de caráter altamente devastador nos espaços escolares, o fechamento dos mesmos se fez necessário. Com isso, buscamos refletir sobre os caminhos viáveis para que a mediação escolar pudesse transcorrer durante o período de isolamento social.

Educação Infantil: relato de vivências nos campos de experiências da BNCC: Educação e experiências mediadas pelas famílias
Educação Infantil e Vivências de Sala de Aula

A finalidade desta produção é descrever as experiências vivenciadas no ensino remoto com o auxílio e mediação das famílias na pandemia de covid-19 no ano de 2020. E assim reconhecer o ótimo trabalho da Escola do/no Campo Municipal Santo Antônio do Caramujo, situada no Distrito de Caramujo, Município de Cáceres/MT. As atividades estudadas foram desenvolvidas especialmente com a turma de creche unificada de dois e três anos de idade; para esse propósito, foram realizadas atividades com o objetivo de dar continuidade e beneficiar o processo de ensino-aprendizagem dos alunos.

Ensino remoto no Colégio Estadual Antônio Carlos Magalhães, em Ibipeba/BA, em tempos de pandemia: percepções e desafios dos discentes
Educação a Distância e Vivências de Sala de Aula

Este trabalho objetiva entender a percepção e os principais desafios encontrados pelo corpo discente em relação ao ensino remoto emergencial no Colégio Estadual Antônio Carlos Magalhães, na cidade de Ibipeba/BA. A metodologia utilizada foi a observação direta extensiva com questionário estruturado aplicado aos alunos do Ensino Médio, tendo como amostra alunos que tinham acesso à internet e estavam inseridos nos grupos de WhatsApp do colégio. Dos resultados encontrados, pode-se observar que 20,3% dos alunos não realizaram nenhum tipo de atividade remota; 25,7% realizaram todas as atividades e 54% realizaram parcialmente.

Inovação na Educação Infantil tendo como foco a aprendizagem baseada no ensino híbrido
Educação Infantil e Formação de Professores

Este artigo objetiva proporcionar aos professores conhecimento teórico e prático a respeito do ensino híbrido, principalmente sobre Rotação por Estações, com estratégias e metodologias que podem ser implantadas em sala de aula. O ensino híbrido, que de forma simplificada é a mescla do ensino presencial aliado às tecnologias e aos recursos do ensino a distância, proporciona aos professores e às crianças uma nova forma de ensinar e aprender; aliando conhecimento, discussões e uso de tecnologias, permite que o aluno seja protagonista da construção do seu conhecimento e que os professores sejam mediadores desse processo.

Ensino remoto e Matemática: a participação restrita de estudantes do Ensino Médio
Vivências de Sala de Aula

Este texto é oriundo do Estágio Curricular Supervisionado III, que, devido à pandemia, aconteceu de maneira remota. Os estudantes pouco se envolveram com as atividades propostas, justificando o objetivo deste artigo, que é identificar os motivos que levaram à participação restrita dos estudantes em Matemática no ensino remoto. Para a produção dos dados foi aplicado um questionário aos estudantes. Os dados apontam que os participantes têm outras ocupações, por isso a participação restrita nas aulas de Matemática. A carga elevada de exercícios aparece em destaque nos resultados. Esses dados alertam para a necessidade de repensar o ensino desse componente curricular, ainda de forma mais intensa no ensino remoto noturno.

Ensino Fundamental I em EaD no contexto da pandemia: uma trilha de aprendizagem usando metodologias ativas
Educação a Distância, Formação de Professores e Vivências de Sala de Aula

Este artigo situa-se no eixo da formação de professores, conceituando o termo “metodologias ativas” e situando sua aplicação no Ensino Fundamental I em EaD ocasionado pela pandemia da covid-19; o texto traz uma trilha de aprendizagem multidisciplinar composta por diversas atividades, bem como todos os recursos necessários para sua implementação. O presente artigo visa oferecer, de maneira objetiva e clara, uma proposta viável e eficaz de ensino a distância fundamentada em metodologia ativa.