Este trabalho foi recuperado de uma versão anterior da revista Educação Pública. Por isso, talvez você encontre nele algum problema de formatação ou links defeituosos. Se for o caso, por favor, escreva para nosso email (educacaopublica@cecierj.edu.br) para providenciarmos o reparo.

Alunos do Ciep 495 Guignard fazem excursão a Vassouras e assistem a um sarau literário e musical no Museu Casa da Hera

Giseli Rosa de Souza, Gislaine de Paula Silva e Fábio Rogério de Almeida França

Professores da rede estadual do Rio de Janeiro

No dia 29 de março de 2014, os alunos da Nova EJA (Módulo 3) do Ciep 495 Guignard, localizado no bairro Parque Mambucaba, em Angra dos Reis, fizeram uma excursão a Vassouras para conhecer a história da cidade dos barões e o Museu Casa da Hera.

Pela manhã, os alunos fizeram um citytour pelo centro histórico, para conhecer a arquitetura e a história dos antigos casarios, como o Palacete Barão de Itambé, a Casa de Cultura Presidente Tancredo Neves, a Câmara (antigo Paço Municipal e Cadeia), além da belíssima Igreja Matriz de Nossa Senhora da Conceição.

Durante a tarde, os alunos visitaram o Museu Casa da Hera, exemplo de residência urbana da elite cafeicultora do século XIX. Na parte interna do Museu, os alunos puderam observar a história da família Teixeira Leite. Puderam conhecer também a biografia de Eufrásia Teixeira Leite e descobrir roupas e penteado, sua trajetória como investidora financeira, a importância da sinhazinha para a cidade de Vassouras, os valores e objetos que deixou em testamento.

Na chácara do Museu, os alunos vivenciaram algumas lendas, observaram a fauna e a flora local, além da vida e trajetória dos escravos como Manoel Congo, líder da revolução dos escravos do Vale do Paraíba, e Mariana Crioula, costureira e mucama.

Para finalizar esse estudo, aconteceu nos arredores da chácara um belíssimo sarau literário e musical com a cantora Juliana Maia, artista da região. O sarau foi realizado com características e referências ao século XIX: recital de poesias e valorização da música popular brasileira e seus compositores. Foi uma apresentação realizada ao ar livre, em clima de puro romantismo do século XIX.

A realização dessa atividade contou com a autorização do diretor interino e chefe de serviço do Museu Casa da Hera, Cirom Duarte e Alves, que cedeu o espaço para que acontecesse tal evento, que contou com a participação dos professores Giseli Rosa de Souza (Língua Portuguesa e Literatura), Gislaine de Paula Silva (História), Rosane Gonçalves de Araújo Soares (Língua Portuguesa e Literatura/Espanhol), Sueli de Fátima Silva (Matemática), Jair Antônio de Mello (História) e o animador cultural Fábio Rogério de Almeida França, todos do Ciep, e com a brilhante apresentação e bela voz de Juliana Maia encerrando o evento com chave de ouro.


Figura 1 - Praça Barão de Campo Belo e Igreja Matriz Nossa Senhora da Conceição

Figura 2 - Professoras Rosane, Giseli e Gislaine

Figura 3 - Visitação guiada fora da Igreja Matriz

Figura 4 - Visitação guiada dentro da Igreja Matriz

Figura 5 - Alunos reconhecendo documentos dentro da Câmara

Figura 6 - Visita guiada na Chácara do Museu Casa da Hera

Figura 7 - A vassoura que dá nome à cidade

Figura 8 - NEJA e a lenda do Túnel do Amor

Figura 9 - Bonecos Mariana Crioula e Manoel Congo

Figura 10 - Preparação da Juliana Maia para apresentação do sarau

Figura 11 - Rosane, Juliana Maia, Giseli e Gislaine

Figura 12 - Foto tirada após o sarau literário no Museu Casa da Hera - com Juliana Maia

Publicado em 20 de maio de 2014.

Publicado em 20 de maio de 2014

Este artigo ainda não recebeu nenhum comentário

Deixe seu comentário

Este artigo e os seus comentários não refletem necessariamente a opinião da revista Educação Pública ou da Fundação Cecierj.