Físicos por um dia no Centro Brasileiro de Pesquisas Físicas

Adriana Oliveira Bernardes

Mestre em Ensino de Ciências pela UENF

A Física vem sendo vista pelos alunos como uma disciplina de difícil assimilação, assim como a Matemática e outras matérias da área de Exatas. Vários fatores contribuem para isso; poderíamos aqui citar alguns: a falta de laboratórios nas escolas, o excesso de matematização da Física, aulas expositivas como único recurso para ensinar e a falta de contextualização, entre outros.

Então, na medida em que conseguimos associar a Física a coisas do nosso cotidiano, o aluno acaba saindo ganhando e muito! Aprende! Discute! E se puder ter contato com pessoas e locais onde a ciência é desenvolvida, melhor ainda. Teremos então grande motivação para seu aprendizado e ele terá ganhado uma experiência que pode levá-lo, no futuro, a se dedicar à área.

image002Corredor do Centro Brasileiro de Pesquisas Físicas (CBPF)

O Centro Brasileiro de Pesquisas Físicas, localizado na Urca, na cidade do Rio de Janeiro, recebe anualmente várias escolas, no projeto “Físico por um Dia”. Uma vez agendada a visita, alunos e professores terão acesso aos laboratórios e contato direto com os cientistas, podendo assistir a palestras de um dos professores que trabalham na instituição.

image004Em um dos laboratórios, alunos do Colégio Estadual Canadá
conhecem o tema ressonância magnética e têm acesso a experimentos

O CBPF realiza pesquisas nas áreas de ciência básica, pesquisa tecnológica, formação de recursos humanos e divulgação de ciência para o grande público, contando com 70 pesquisadores que produzem uma série de artigos de repercussão internacional. O Centro também recebe todos os anos professores de Física para participação num programa de formação continuada, o Profcem, que colabora, assim, com a capacitação de professores.

image005Análise de experimento em laboratório do CBPF

O Colégio Estadual Canadá, que oferece o ensino integral a seus alunos por meio do Proemi, participou do projeto Físico por um Dia no mês de maio, motivando seus alunos a participar da elaboração de evento na área, a I Semana de Física do Proemi, do qual, alunos e professores participaram, apresentando trabalhos e discutindo Física.

Professores das várias disciplinas, coordenadores pedagógicos e membros da direção consideram que essa visita foi um fator importante para estimular os alunos para um trabalho no qual se mostrassem autônomos e ativos em seu processo de aprendizagem.

image008Alunos do Ensino Médio atentos ao experimento mostrado pelo professor

image010Contato direto com os cientistas, proporcionando não só o conhecimento de ciência, mas também de valores

image012Com alunos de doutorado do CBPF, alunos do CEC têm acesso a experimentos de Física Moderna

Na I Semana de Física do Proemi, realizada no Colégio Estadual Canadá, de Nova Friburgo, foi trabalhado principalmente o protagonismo do aluno, que elaborou e apresentou palestras de temas de Física e mostras, entre outras atividades.

Consideramos que um trabalho de incentivo a área de ciências tem que envolver o projeto com ações que colaborem para que o aluno tenha uma visão da Física mais próxima do seu dia a dia e de seu cotidiano, mostrando como a ciência está presente em sua vida e é importante que ele a conheça.

O Colégio Estadual Canadá desenvolve vários projetos na área de Física e em parceria com centros de ciência e universidades e promove a difusão de temas científicos entre seus alunos.

Publicado em 07 de julho de 2015