Edição V. 20, Ed. 4 - 28/01/2020

Biblioteca escolar: ação mediadora e o papel do bibliotecário

Instituição Escola

O presente artigo apresenta reflexões sobre o papel da biblioteca no contexto escolar, revela acontecimentos primordiais para a sociedade – a oralidade, a escrita e a organização do conhecimento nas bibliotecas – e o importante papel do bibliotecário na colaboração da prática do currículo escolar. Partindo do pressuposto de que a biblioteca escolar é um ícone significativo na ação mediadora no processo de ensino-aprendizagem, este trabalho tem como objetivo central abordar as contribuições da biblioteca perante a comunidade escolar. Trata da mediação da biblioteca por meio do seu acervo baseado no currículo escolar e a participação do bibliotecário nesse processo. Identifica o papel da biblioteca no processo de curricularização escolar, partindo dos Parâmetros Curriculares Nacionais e a mediação do profissional bibliotecário no currículo escolar. Diante desses desafios, o trabalho pretende contribuir com a comunidade científica que tem interesse na temática biblioteca por meio do levantamento bibliográfico, pesquisa documental e, por fim, refletir sobre as possibilidades que a biblioteca oferece à comunidade escolar no que tange ao apoio pedagógico e à prática do currículo.

Leia este artigo

As contribuições da dança (do ventre) no ensino-aprendizagem para crianças: uma óptica neurocientífica

Sociologia, Formação de Professores e Dança

A dança é um sólido componente educativo, que auxilia nas diversas esferas do desenvolvimento infantil; com o avanço das neurociências, tornou-se ainda mais evidente a importância incontestável que ela possui. Este estudo traz sugestões de práticas e objetiva compilar as diversas contribuições da dança no processo de ensino-aprendizagem para crianças, difundir os diversos benefícios possíveis de serem conquistados pelos praticantes dessa arte, de maneira a servir de inspiração para educadores da área; propõe também transformar a visão ultrapassada de que dançar se resume a copiar passos prontos cuja concepção tradicional entende que apenas o corpo trabalha, numa clara manutenção do dualismo cartesiano a fundamentar o conceito de corpo/mente.

Leia este artigo

A leitura e a escrita no processo de alfabetização

Avaliação

A pesquisa A Leitura e a Escrita no Processo de Alfabetização tem como finalidade aprofundar e desenvolver a compreensão no processo de leitura e escrita, analisar as atividades realizadas pelos educandos e a comunicação oral e escrita; avaliar o processo de alfabetização nos comportamentos e utilizar situações didáticas. O problema apresentado é compreender quais são as características da prática pedagógica no desenvolvimento e aplicação das ações para a leitura e a escrita no processo de alfabetização. A pesquisa realizada teve um caráter bibliográfico e qualitativo. É necessário demonstrar a importância do uso da leitura e da escrita no processo de alfabetização.

Leia este artigo

O esvaziamento do caráter humanizador da literatura no ambiente escolar

Formação de Professores, Instituição Escola e Língua Portuguesa e Literatura

O trabalho com a literatura, na Educação Infantil e nos Ensinos Fundamental e Médio não desenvolve seu aspecto humanizador, dando preferência ao estudo de características formais e gramaticais do texto e aspectos que caracterizam as obras como pertencentes a determinados estilos ou épocas literárias.

Leia este artigo

A utilização dos mapas conceituais como ferramenta didática nas licenciaturas de Física e Matemática do Cederj

Física, Matemática, Educação a Distância e Formação de Professores

A inserção do mapa conceitual nos cursos de formação docente visa a constituir uma estratégia pedagógica de significativa relevância para a apropriação de conceitos científicos, ajudando os alunos estagiários a analisar e integrar informações e a atribuir sentido ao que estão estudando. Nesse sentido, os mapas conceituais foram incluídos no nosso plano de curso em 2012 como ferramenta didática no Estágio Supervisionado IV (última etapa dos estágios), por meio do fórum de discussão: Mapas conceituais: organização e representação do conhecimento. Considerando a receptividade dos estagiários e os resultados profícuos, foram criadas oficinas e atividades regulares para maior exploração do tema. A consolidação desse trabalho aponta a sua importância nos depoimentos dos estagiários, ao promover a inclusão dos mapas conceituais nos currículos escolares das escolas de Ensino Fundamental e Médio, por reconhecê-los como estratégia valorosa para criar o hábito da pesquisa e, portanto, para uma educação mais qualificada.

Leia este artigo

Filosofia e Pandemia: o mundo pós-isolamento social

Vamos tratar dos temas EAD, Gamificação e Ensino Híbrido

Canal no YOUTUBE: Acesse aqui

Bate papo sobre o ensino de História

Clique na imagem para ver a programação:

Live no canal Youtube LAPEHIS UFVJM: bit.ly/3h3aBXF

Seminário Virtual Internacional do Grupo Educação, Políticas Públicas e Mundo do Trabalho

Educação: Tem o poder de transformar

O Centro de Estudos “O bem viver e a resiliência dos povos indígenas no cuidado com a Amazônia" recebeu os representantes dos povos indígenas
- Iolanda Pereira da Silva, do Povo Macuxi;
- Michel Oliveira Baré Tikuna, do Povo Baré e Tikuna;
- e o procurador da República Marco Antônio Delfino de Almeida;
- e o coordenador do Programa Rio Negro do Instituto Socioambiental, Marcos Wesley de Oliveira.

Veja o video no link: https://youtu.be/ckWJGWZfFnM

Caminho para a liberdade

"A educação é o ponto em que decidimos se amamos o mundo o bastante para assumirmos a responsabilidade por ele."
Hannah Arendt (1906-1975).

Educadores brasileiros

Dermeval Saviani

"A educação é uma atividade que supõe a heterogeneidade no ponto de partida e a homogeneidade no ponto de chegada."

COVID-19

Coronavírus: O que você precisa saber e fazer

coronavirus.saude.gov.br.

Twitter da revista

Siga-nos no Twitter @educacaopublica

Veja também

Fundação Cecierj


Diretoria de Extensão


Revista EaD em foco