Edição V. 10, Ed. 25 - 06/07/2010

Educar é criar

Apesar das tentativas de ruptura com o tradicionalismo conservador, a educação – ou, melhor dizendo, o sistema escolar do qual fazemos parte – permanece insatisfatória.

Leia este artigo

Bens comuns e bem viver

A crise climática, de algum modo percebida pelas mais diferentes pessoas a partir de seu cotidiano, virou senso comum. Com isso, vivemos um daqueles momentos raros da história humana em que é possível instaurar um debate sobre os próprios fundamentos do nosso modo de vida. Basta extrair do senso comum o bom senso transformador, no exato sentido que lhe deu Gramsci falando da constituição de movimentos irresistíveis de transformação com capacidade de conquista de hegemonia na sociedade – reconhecimento e convencimento político e cultural da legitimidade e justeza da causa por amplos setores no interior da sociedade civil, o berço da cidadania.

Leia este artigo

As Revoluções Industriais, as invenções e a educação

O fenômeno das Revoluções Industriais foi causador e causado por grandes invenções, como a do motor a vapor; posteriormente, a eletrificação, que revolucionou o ’tudo’ no ‘todo’ até os dias recentes, como foi revolucionária a mudança da caça nômade para a agricultura sedentária, que permitiu o aparecimento das civilizações humanas, pois havia bastante tempo para que as pessoas se alimentassem, para aprender a ler e escrever, a desenvolver as artes e construir monumentos etc. Nos intervalos das invenções, as pessoas criavam as tais novas janelas de oportunidades, ou seja, os latecomers. Essas janelas no tempo e ao longo dele sempre foram condições fundamentais para o avanço encadeado. O motor de combustão interna conduziu à maior indústria do mundo, mas não causou uma revolução econômica. Asseveramos que os avanços em conhecimentos básicos e em tecnologias radicalmente novas não aconteceram sempre por acaso; foram exigências do capital, de necessidade do jogo do capital, do capitalismo.

Leia este artigo

Machado e Wisnik: popular, erudito e acadêmico

Pestana é um pianista, compositor de polcas célebres e frustrado por não conseguir compor obras clássicas. À primeira vista, o resumo do conto Um homem célebre não parece muito sedutor. Parece que lhe falta um gancho que chame a atenção do leitor e mesmo um toque de originalidade. Machado de Assis publicou o conto na Gazeta de Notícias em 1888 e, em livro, oito anos mais tarde. Pode-se dizer que a narrativa das angústias de Pestana seja em si motivo de interesse, uma vez que o estilo de Machado já estava amadurecido e a escrita fluía com domínio pelas mãos mulatas do escritor.

Leia este artigo

A Organização da Educação Profissional no Brasil

Com o advento da Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (Lei 9.394/96), pode-se afirmar que os legisladores reconheceram a importância da relação entre educação e trabalho e da Educação Profissional ao dedicar o Capítulo III do Título V – "Dos níveis e das modalidades de educação e ensino" - à Educação Profissional, tratando-a na sua inteireza, como parte do sistema educacional.

Leia este artigo

Os games e o cinema: quem influencia quem

Cada vez mais o cinema, principalmente os filmes americanos, têm apresentado uma estética parecida com a dos games. Isso sem falar de filmes inspirados em jogos de sucesso. Por sua vez, a indústria de games se aproveita do sucesso de alguns filmes para lançar jogos inspirados neles. Muitas vezes os games são lançados simultaneamente ao filme, como foi o caso recente de Alice no país das maravilhas, filme de Tim Burton. Mas, na verdade, quem influencia quem? O cinema influencia a criação de videogames ou os games influenciam o cinema?

Leia este artigo

I Colóquio Faetec de Professores Pesquisadores

Estão abertas também chamadas para submissão de proposta de mesa redonda e para coordenador de vídeo pôster (24) e coordenador de comunicação oral (24), nas seguintes áreas de conhecimento: Ciências Exatas e da Terra; Ciências Biológicas; Engenharias; Ciências da Saúde; Ciências Agrárias; Ciências Sociais Aplicadas; Ciências Humanas; Linguística, Letras e Artes.

O prazo de inscrição é até 31 de março, por meio do site: www.coloquiofaetec.com.br

Educação e pandemia

Educação e pandemia

Artigos publicados na revista Educação Pública sobre a pandemia

Acesse aqui

Educação: Tem o poder de transformar

O Centro de Estudos “O bem viver e a resiliência dos povos indígenas no cuidado com a Amazônia" recebeu os representantes dos povos indígenas
- Iolanda Pereira da Silva, do Povo Macuxi;
- Michel Oliveira Baré Tikuna, do Povo Baré e Tikuna;
- e o procurador da República Marco Antônio Delfino de Almeida;
- e o coordenador do Programa Rio Negro do Instituto Socioambiental, Marcos Wesley de Oliveira.

Veja o video

Citação

"É melhor construir salas de aula para o Menino do que celas e patíbulos para o Homem."
Eliza Cook (12/1818 – 09/1889)

Educadores e Educadoras

Magda Soares

"Para a criança, a complexa aprendizagem da língua escrita deve acompanhar seu desenvolvimento cognitivo, linguístico e mesmo motor, para a manipulação dos instrumentos e suportes da escrita."

Twitter da revista

Siga-nos no Twitter @educacaopublica

Veja também

Fundação Cecierj


Diretoria de Extensão


Revista EaD em foco