Edição V. 14, Ed. 5 - 04/02/2014

Considerações sobre nativos e analógicos digitais, enquanto valores construídos pela escola, na perspectiva de formação do cidadão

Até a vigência da atual Constituição Federal, a educação no Brasil era havida genericamente como uma necessidade e um importante fator de mudança social, subordinada, entretanto, e em muito, às injunções e aos acontecimentos políticos, econômicos, históricos e culturais. A normatividade de então se limitava, como fazia expressamente na Constituição Federal de 1967, com a redação que lhe deu a Emenda Constitucional nº 1, de 17 de outubro de 1969, ao afirmar a educação como um direito de todos e dever do Estado, com a consequente obrigatoriedade do ensino dos 7 aos 14 anos e a gratuidade nos estabelecimentos oficiais, restringindo-se, quanto ao restante, inclusive na legislação ordinária, a dispor sobre a organização dos sistemas de ensino.

Leia este artigo

Estudando Educação

Comandado por Ernesto Martins Faria, economista e coordenador de projetos da Fundação Lemann, o site Estudando Educação tem o objetivo de analisar políticas e práticas educativas pautado em números e indicadores. Seu objetivo não é apontar soluções, mas fazer análises e discussões sobre o tema.

Leia este artigo

Nymphomaniacs - volume I: Ensaio sobre o sexo e o ato de narrar

Um longo tempo em black prepara o inicio avassalador, um beco labiríntico à noite, com a chuva que cai e escorre incessante, descrito e percorrido com maestria por uma câmera que vai pelas quebradas do beco até encontrar o corpo da mulher, ferido e caído no chão. Logo a chegada do homem salvador, que vai encontrar e recolher a mulher ferida e levar para casa. Planos de câmera com plongées e contraplongées apresentam os personagens um ao outro e a nós, público. Dois personagens extraordinários, uma contadora de historias e um ouvinte atento, intérprete, analista. Ela se chama Joe (Charlotte Gainsbourg), a ninfo que desvela e revela seu passado, suas experiências sexuais, com um texto autopunitivo, dilacerada física e moralmente, com narração confessional.

Leia este artigo

Educação e pandemia

Educação e pandemia

Artigos publicados na revista Educação Pública sobre a pandemia

Acesse aqui

Atenção: Submissão de artigos

Prezados autores, prezadas autoras,
estamos realizando uma atualização de nosso sistema editorial. Por isso, a revista Educação Pública não estará temporariamente recebendo novos trabalhos para publicação. Vale ressaltar que os artigos já recebidos estão em processo de avaliação e, se selecionados, serão publicados.

Quando o sistema voltar a funcionar normalmente - o que esperamos que aconteça muito em breve - retomaremos o processo de submissão de novos trabalhos que tratem de temas ou relatem experiências relevantes para a Educação Básica no Brasil.

20/10 às 18h | Mulheres na EaD: partilhando experiências e realidades antes e durante a pandemia

14/10 a 18/12 | Festival do Filme Científico

De 14 de outubro a 18 de dezembro, o Brasil recebe a segunda edição do Science Film Festival, festival de cinema dedicado à promoção da ciência e da educação científica por meio do audiovisual. O tema deste ano é sustentabilidade e os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODSs) – a seleção de filmes voltados a professores, estudantes e público geral aborda questões que duramente afetam o planeta hoje, como mudanças climáticas, biodiversidade, inovação e tecnologia, energias limpas, entre outras. No Brasil, a mostra traz 14 vídeos de países como Tailândia, Alemanha, Chile e Canadá, todos dublados ou legendados para o português brasileiro, destinados a crianças e adolescentes.

site do evento

17 a 20/11 | XI Encontro Nacional Perspectivas do Ensino de História

Educação: Tem o poder de transformar

O Centro de Estudos “O bem viver e a resiliência dos povos indígenas no cuidado com a Amazônia" recebeu os representantes dos povos indígenas
- Iolanda Pereira da Silva, do Povo Macuxi;
- Michel Oliveira Baré Tikuna, do Povo Baré e Tikuna;
- e o procurador da República Marco Antônio Delfino de Almeida;
- e o coordenador do Programa Rio Negro do Instituto Socioambiental, Marcos Wesley de Oliveira.

Veja o video

Caminho para a liberdade

"A educação é o ponto em que decidimos se amamos o mundo o bastante para assumirmos a responsabilidade por ele."
Hannah Arendt (1906-1975).

Educadores brasileiros

Dermeval Saviani

"A educação é uma atividade que supõe a heterogeneidade no ponto de partida e a homogeneidade no ponto de chegada."

Twitter da revista

Siga-nos no Twitter @educacaopublica

Veja também

Fundação Cecierj


Diretoria de Extensão


Revista EaD em foco