Edição V. 11, Ed. 43 - 01/11/2011

Disciplina e resultado motivadores

Não é sem razão que muitas pessoas desanimam ao perceber que os resultados daquilo que desejaram não foi obtido. É o clássico “quase deu certo”. Porém normalmente faltam alguns itens para que se alcance o objetivo esperado; dentre eles destaca-se a disciplina. Boa parte das vezes não somos disciplinados.

Leia este artigo

Educadores lançam manifesto contra o fechamento de escolas no meio rural

Um grupo de professores, intelectuais e entidades da área da educação assinaram manifesto lançado pelo Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) na sexta-feira 14 de outubro. O documento denuncia o fechamento de 24 mil escolas no meio rural e cobra a implementação de políticas para o fortalecimento da educação do campo.

Leia este artigo

Consciência negra o ano todo

A revista Nova Escola traz um hotsite que vem bem a calhar com a época em que estamos: o mês da consciência negra. É bem verdade que algo tão importante como o respeito à diversidade racial não deveria ter um mês especial, mas como ainda temos um longo caminho pela frente nessa batalha contra o racismo e o preconceito, ainda se faz necessário ler, reler, conscientizar-se da gravidade dos problemas relacionados a esse tema.

Leia este artigo

Ruína e utopia no ensino de cinema

Manuel de Barros. Poesia Falada. (Vol. 08). Poema 10.

Leia este artigo

O ceticismo em Memórias Póstumas de Brás Cubas

O presente trabalho tem o propósito de procurar no texto Memórias Póstumas de Brás Cubas, de Machado de Assis, o delineamento de um pensamento cético. Antes de tudo, vamos traçar um breve panorama do contexto histórico em que o romance se dá: o processo de modernização da sociedade brasileira, o liberalismo escravagista, a recepção da moral burguesa. Em seguida vamos expor algumas breves considerações a respeito dos aspectos fundamentais do ceticismo, e a partir daí veremos de que modo esse pensamento se faz presente nas Memórias.

Leia este artigo

O leitor ideal é o leitor honesto

Qual o verdadeiro significado de uma obra literária? E quem pode determinar esse significado? O próprio autor de um livro pode interpretar seu trabalho de várias maneiras, pelo motivo ao mesmo tempo simples e complexo de que esse autor é um ser humano – e o homem é sempre um intérprete, não um produtor de dogma. É impossível descartar as preconcepções do intérprete, assim como preconcepções da obra. Impossível apreender a essência de uma obra, e graças a essa impossibilidade a hermenêutica é um processo crítico: não havendo como chegar a uma verdade, chegaremos à eterna construção de compreender e interpretar.

Leia este artigo

Pesquise em nossa biblioteca

Prezada autora, prezado autor, ao selecionar o material de consulta para seu trabalho, sugerimos que faça buscas também em artigos publicados na revista Educação Pública, que possui um sistema de busca sofisticado que facilitará a sua pesquisa. A citação dos artigos da revista Educação Pública certamente irá valorizar a sua publicação, a de seus colegas e a própria revista.

Novidades por e-mail

Cadastre-se e receba as novidades da revista Educação Pública!

Clique aqui

Artigos mais lidos no último mês

Educação na imprensa

07/02/24 Veja como trabalhar o Carnaval na Educação Infantil

Leia aqui

Veja artigos na revista sobre Carnaval


05/02/24 Literatura para trabalhar conceitos de matemática com as crianças

Leia aqui


30/05/23 Sobre o brincar…

Leia aqui


15/02/23 Saiba como usar os sambas-enredo nas aulas de História

Leia aqui


03/02/23 Letramento e afetividade: o que o amor tem a ver com a escola?

Leia aqui


19/10/22 Brasil pode conquistar prêmio de melhor escola do mundo

Leia aqui


11/02/22 WhatsApp em sala de aula? Saiba como a ferramenta pode apoiar o ensino

Leia aqui

X da revista

Siga-nos no X (antigo Twitter) @educacaopublica

Seção Divulgação Científica

Veja também

Fundação Cecierj


Diretoria de Extensão


Revista EaD em foco