Edição V. 22, Ed. 32 - 30/08/2022

A importância da Fonoaudiologia na escola

Educação Especial e Inclusiva

Considerando que a escola é a principal ponte entre o aprendizado da linguagem formal, especialmente em se tratando da alfabetização, objetivamos neste artigo identificar se existem casos de distúrbios de fala com crianças de quatro a dez anos da Escola Municipal Vereador Evilásio Vasconcelos e apresentar como o trabalho da fonoaudióloga presente contribui para o desenvolvimento da comunicação oral delas. A metodologia usada é qualitativa, com coleta de dados realizados por levantamento bibliográfico e diálogos informais com a fonoaudióloga que atende crianças, dentre as quais as que são objeto deste estudo.

Leia este artigo

Psicomotricidade: uma prática física que estimula a prática mental

Política Educacional

O presente artigo é direcionado aos professores da Educação Infantil e estudantes de Pedagogia. Tem por finalidade trabalhar de forma reflexiva a atuação dos docentes na escola e a influência na formação continuada de todos que fazem educação para conhecer novos conceitos, como aplicar a Psicomotricidade em sala de aula, priorizando o desenvolvimento cognitivo das crianças, visto que a Educação Infantil é a base da formação do indivíduo; é necessária uma boa introdução ao processo de aprendizagens e ao conhecimento complexo do educador, já que tudo que nos move é relacionado ao conhecimento que possuímos; precisamos conhecer sempre algo novo, algo a mais.

Leia este artigo

Relato de experiência sobre os benefícios da audiodescrição das imagens do livro didático

Comunicação, Educação Especial e Inclusiva, Educação Infantil, Formação de Professores e Vivências de Sala de Aula

A audiodescrição vem ganhando espaços e vencendo as barreiras impostas para fazer cumprir sua obrigatoriedade nos meios de comunicação e na sociedade em geral. Este estudo aborda sua importância como recurso pedagógico ao tratar imagens do livro didático, trazendo benefícios para o processo de ensino-aprendizagem de crianças com deficiência visual e baixa visão, criando igualdade de oportunidades culturais e educacionais. A justificativa para o desenvolvimento deste trabalho decorre da minha práxis em sala de recursos multifuncionais, no atendimento educacional especializado de uma escola municipal de São Gonçalo/RJ. O objetivo é demonstrar a importância da audiodescrição para a formação docente.

Leia este artigo

Trabalhando estéticas do romance contemporâneo com alunos do Pré-Vestibular Solidário da UFCG/PB

Língua Portuguesa e Literatura

Este relato descreve e analisa as atividades desenvolvidas no âmbito de estágio correspondente ao componente curricular Prática de Ensino de Literatura Brasileira, disciplina obrigatória no currículo do curso de Letras da UFCG. Desenvolvemos aulas sobre leitura e análises literárias de obras referentes ao vestibular da UEPB para a seleção do ano de 2014, material que serviu de suporte didático-metodológico e que assegurou o norte das nossas interações. A partir dessa intervenção didática, concluímos que as atividades de Estágio em Literatura permitem refletir sobre práticas linguageiras relacionadas à arte e ao fazer literário.

Leia este artigo

Reformas do Ensino Médio no Brasil: implicações e desobrigações no Estado do Amapá

Política Educacional

Este artigo objetiva trazer algumas informações sociais e educacionais do Estado do Amapá e fazer uma breve análise à urgência da Lei nº 13.415/17. Trata-se de uma pesquisa documental-bibliográfica, com um olhar da Teoria Social Crítica de Gramsci. O pressuposto é que o ensino flexível pode ser visto como negação para uma “educação inteira”. A compartimentalização das disciplinas, que se transformam em “estudos disciplinares”, acompanha os ditames do mercado de trabalho. Finaliza-se o texto considerando que essa reforma é um projeto de manipulação da classe trabalhadora, direcionando-se para a mão de obra barata e fragilizada. É uma política que ofende os jovens-trabalhadores do Amapá.

Leia este artigo

Resenha do texto “O conhecimento sobre a linguagem”

Formação de Professores, Língua Estrangeira e Língua Portuguesa e Literatura

O texto “O conhecimento sobre a linguagem”, de Guimarães e Orlandi, é integrante de um conjunto de textos que fazem parte da coleção “Introdução às Ciências da Linguagem”. A obra é composta por uma introdução e seis seções, direcionando-se a todos os estudiosos da linguagem, pesquisadores e professores de línguas – materna e estrangeiras –, com o propósito de orientar a percepção sobre a interpretação dos fenômenos linguísticos. Para o docente, o trabalho é de suma relevância, pois elucida sobre a influência dos pressupostos teóricos-metodológicos das Ciências da Linguagem ao longo do tempo.

Leia este artigo

Novidades por e-mail

Cadastre-se e receba as novidades da revista Educação Pública!

Clique aqui

Pesquise em nossa biblioteca

Prezada autora, prezado autor, ao selecionar o material de consulta para seu trabalho, sugerimos que faça buscas também em artigos publicados na revista Educação Pública, que possui um sistema de busca sofisticado que facilitará a sua pesquisa. A citação dos artigos da revista Educação Pública certamente irá valorizar a sua publicação, a de seus colegas e a própria revista.

Educação e pandemia

Educação e pandemia

Artigos publicados na revista Educação Pública sobre a pandemia

Acesse aqui

Pandemia e Educação na imprensa

11/02 WhatsApp em sala de aula? Saiba como a ferramenta pode apoiar o ensino

Leia aqui


13/12 Lições para promover uma revolução na educação pública brasileira

Leia aqui


26/10 Educadora defende a inclusão da aprendizagem colaborativa na formação escolar

Leia aqui

Seção Divulgação Científica

Citação

"É melhor construir salas de aula para o Menino do que celas e patíbulos para o Homem."
Eliza Cook (12/1818 – 09/1889)

Educadores e Educadoras

Célestin Freinet

"A democracia de amanhã se prepara na democracia da escola."

Twitter da revista

Siga-nos no Twitter @educacaopublica

Veja também

Fundação Cecierj


Diretoria de Extensão


Revista EaD em foco