Biblioteca

Filtrar os artigos

Pesquisar na Biblioteca

Selecione uma ou mais opções

Nível de ensino

Selecione uma ou mais opções

Natureza do trabalho

Selecione apenas uma opção

Categoria de Ensino

Selecione uma ou mais opções

Ciências Ambientais

Ciências da Saúde

Ciências Exatas e da Terra

Ciências Humanas

Educação

Letras, Artes e Cultura

Políticas Públicas


Filtros aplicados:

Categoria de Ensino: Botânica; Ecologia e Meio Ambiente; Oceanografia; Zoologia
Limpar filtros
Atividade experimental no ensino e aprendizagem de Botânica: relato de experiência no Curso Técnico Integrado em Meio Ambiente
Botânica

Em Biologia, a Botânica é conhecida por ser conteudista, enfadonha, de difícil compreensão, geralmente deixada como último conteúdo a ser tratado na ementa escolar, sendo observado distanciamento até mesmo dos professores em relação à temática. Isso resulta em pouca apreciação pelos alunos, que só recorrem ao conteúdo de forma específica quando necessitam se preparar para provas e exames. Ao mesmo tempo, diversos estudos apontam que as atividades ou práticas experimentais contribuem significativamente na apreensão de conceitos e sua aplicação na resolução de problemas.

Ensino remoto: contextualização do bioma Caatinga a partir dos jogos didáticos
Ecologia e Meio Ambiente

A Caatinga é um bioma exclusivamente brasileiro. Do ponto de vista científico, esse bioma é pouco conhecido na América do Sul, o que pode resultar em sua desvalorização. Assim, em torno desse ecossistema há inúmeros estereótipos, sendo o principal deles o de que a Caatinga é pobre em biodiversidade. Dessa forma, o domínio morfoclimático é pouco reconhecido e soma-se ao fato de que muitos professores e os livros didáticos abordam o bioma sem destacar as suas potencialidades. Nesse aspecto, os jogos didáticos representam uma alternativa viável para proporcionar essa compreensão da biodiversidade e da valorização do bioma, já que é possível trabalhar os aspectos educativo e lúdico.

Relato de caso: acolhimento de criança autista e sua mediadora no Infantil II do CEI São Gabriel
Ecologia e Meio Ambiente, Saúde, Educação Especial e Inclusiva, Educação Infantil e Vivências de Sala de Aula

O presente estudo acompanhou a chegada de uma criança com TEA e sua mediadora a um Centro Educacional Infantil (CEI) da cidade de Fortaleza em 2017. A mediação de crianças com TEA consiste em criar uma ponte entre o aluno e o professor facilitando o processo de aprendizagem e evitando atraso no ensino. Por intermédio de um acompanhamento no CEI São Gabriel foi possível detectar a inclusão do aluno A. H. F. N., sem prejuízos para ele ou para outros alunos. A pesquisa traz uma abordagem qualitativa descritiva, caracterizada como estudo de caso, no âmbito da Prefeitura Municipal de Fortaleza.

Livro Informativo na escola: um diálogo entre o ensino de ciências, as artes e a literatura infantil
Ecologia e Meio Ambiente e Língua Portuguesa e Literatura

O projeto gráfico de um livro, unindo design a ilustração e escrita, transforma esse objeto em uma verdadeira galeria de arte. Ao trazermos essas produções para as salas de aula, em diálogo com o ensino da Ciência, é possível aproximar os estudantes do tema, despertando-os para novas pesquisas. O presente artigo pretende apresentar o livro informativo como uma possibilidade para o ensino da Ciência, no intuito de trazer de forma lúdica, dinâmica e dialógica os conteúdos para a sala de aula.

Análise laboratorial do teor de álcool na gasolina vendida em postos de abastecimento de Picuí/PB
Ecologia e Meio Ambiente

Este trabalho contribui para o entendimento da adulteração pela adição de álcool na gasolina vendida em postos de abastecimento, tendo como objetivo a identificação de possíveis práticas. Foram coletadas amostras dos quatro postos da cidade de Picuí/PB. As amostras foram analisadas e os resultados comparados com a Lei n° 13.033, fiscalizada pela ANP. Todas as amostras analisadas quanto ao teor de álcool na gasolina encontram-se dentro dos limites estabelecidos pela ANP, não configurando adulterações. Dessa maneira, concluímos que os postos de combustível da cidade encontram-se em conformidade com a legislação.

Imunidade coletiva na pandemia: aprendendo com insetos eussociais
Ecologia e Meio Ambiente, Saúde, Biologia e Biociências, Formação de Professores e Cidadania e Comportamento

Uma pesquisa bibliográfica com abordagem qualitativa foi realizada tendo como objetivo correlacionar os hábitos dos insetos eussociais e sua contribuição para o esclarecimento do termo “imunidade coletiva”, muito usado durante a pandemia da covid-19. Em sua organização, esses animais adquirem hábitos semelhantes à vacinação e à higienização coletiva que deveriam ser adotados por toda a humanidade em situações pandêmicas. Para os insetos, tais medidas são naturais e não "questionáveis". Para os humanos, o letramento científico mostra-se necessário para garantir a interpretação e o julgamento adequado com base em evidências científicas.

Dialogando com temas ambientais em Ciências Naturais: relato de experiência no ensino remoto
Ecologia e Meio Ambiente

O ensino de Ciências deve ser respaldado na compreensão de fenômenos de forma integral, de modo que esteja atrelado às mudanças temporais e inserção de processos crítico-reflexivos. O presente trabalho objetivou relatar experiências vivenciadas durante uma prática pedagógica em turma do Ensino Fundamental II de escola pública na cidade de Cajazeiras/PB. O desenvolvimento da ação ocorreu durante o período de pandemia do vírus SARS-Cov-2, sucedendo-se, então, de forma remota.

Utilizando a raiz tuberosa de mandioca em aulas práticas de Biologia para estudantes do Ensino Médio
Botânica e Biologia e Biociências

A mandioca é uma planta dicotiledônea pertencente à família Euphorbiaceae, de grande importância; sua raiz tuberosa serve como sustentáculo energético para mais de 700 milhões de pessoas no planeta, além de diversas outras utilidades na alimentação animal e na indústria. O trabalho possui como principal objetivo facilitar e motivar a aprendizagem dos alunos na disciplina de Biologia, no Ensino Médio, no que tange à área de Bioquímica por meio de duas atividades experimentais, utilizando como principal espécie a raiz tuberosa da mandioca.

Ensino investigativo de Botânica em livros didáticos do 7º e 8º ano do Ensino Fundamental a partir da BNCC
Botânica, Vivências de Sala de Aula e Política Educacional

A BNCC destaca o letramento científico como mecanismo para tornar os alunos ativos no processo de ensino-aprendizagem em ciências. O objetivo desta pesquisa foi analisar a abordagem investigativa de Botânica em livros didáticos do Ensino Fundamental com base na BNCC. Dentre os problemas identificados destaca-se a falta de atividades práticas, a falta de perspectiva evolutiva que favoreça a compreensão das características de cada grupo e seus processos adaptativos e a falta de contextualização do conteúdo, que o aproxime da realidade do aluno.

Terrário de samambaias: análise do desenvolvimento da planta e do ciclo da água
Ecologia e Meio Ambiente e Educação a Distância

Além de espécie pioneira, a samambaia é responsável pela nutrição do solo e pelo surgimento de seres. Por sua importância ecológica, este projeto traz a montagem de terrários, suas funcionalidades e necessidades. O estudo tem o objetivo de discutir o ciclo da água, relações abióticas e a importância ecológica da samambaia. A metodologia selecionada foi um modelo didático que reproduzisse a realidade. O período de análise foi de 38 dias, capturando fotos e observando o ciclo da água. O intuito é representar o ecossistema natural, concluindo que o terrário é uma ótima proposta de aprendizado, até mesmo em pandemia.